domingo, 19 de outubro de 2008

SÓ ALGUNS EXEMPLOS.

São só pequenos exemplos de como a saúde pública no Brasil, beira à perfeição.
Isto é só o que vivo e vejo, tenho acesso.
No dia 15/08, tive uma consulta de rotina, e de lá saí com um pedido de exames de sangue e urina, para controle do colesterol que andava meio alto.
Comentei aqui, quando disse que os médicos deveriam dar consulta por telefone.
Pois bem, fui marcar os exames, e os mesmos foram agendados para 14/10, ou seja dois meses depois da consulta.
Essa semana, no dia 13, recebi um telefonema do hospital, do setor de agendamento, informando que os exames marcados até dezembro deste ano, estavam todos suspensos, até 02/01/2009.

No dia 25/08, fomos daqui de Mongaguá até a cidade de Santos, na Santa Casa de lá, passar por um oftalmo.
Eu e o bem, estamos precisando, e como não temos oftalmo conveniados aqui na cidade, saímos de casa às cinco da manhã e fomos até lá.
Com muita paciência, mais minha que dele, conseguimos ser examinados.
Disse à médica que precisava trocar os óculos, uma vez que há sete anos não o faço. Ela ficou horrorizada com o tempo, disse que não posso passar tanto tempo sem nova consulta.
O caso do bem, ainda um pouco mais sério. Ele tem uma lesão no olho, e deve ter um acompanhamento, pois existe o risco de um derrame na vista.
Pensei que ia nos dar uma receita, que nós iríamos nos dirigir até uma ótica e mandaríamos fazer os óculos. Não.
Nos deu um encaminhamento, lá está escrito: "Solicito refração". Alguém aí sabe o que é isso? Eu não tenho a menor idéia, que deveríamos trazer até o hospital municipal. Trouxe, e me informaram, que pedem vaga para Santos, e devo aguardar.
Até quando? Só Deus sabe.

O médico do postinho aqui, me deu um encaminhamento para levar o Érick em um pneumologista, para ver a possibilidade, ou necessidade de se fazer um tratamento contra a asma, uma vez que ela voltou a dar sinal de vida.
Também tem que agendar e esperar Santos disponibilizar a vaga, uma vez que não temos um pneumologista no município.
Tudo isso, se acontecer um dia, ainda temos o transtorno de nos dirigirmos até Santos no dia e hora que eles determinarem.
Conclusão: Estamos procurando na região um pneumologista particular, ou que atenda o convênio do Érick.
Eu e o bem, vamos marcar uma consulta particular na próxima semana com oftalmo daqui da cidade. Ainda estou pesquisando se vale a pena, se não são aqueles médicos que atendem conveniados com a ótica, e fazem um exame superficial, só para receitar os óculos, que você deverá comprar na ótica indicada, da qual eles têm comissão sobre a venda.

Sabem o motivo de tanto descaso?
O candidato do atual prefeito perdeu as eleições.
Há dois meses não recebo os remédios que recebia em casa.
Na semana passada, o Érick já não teve aula de natação, ele faz numa piscina municipal.
Há mais ou menos dez dias estamos sem coleta de lixo. Estamos queimando em um terreno baldio.
Mas, lá no hospital Sírio Libanês, onde o presidente costuma fazer seus exames de rotina, a saúde beira a perfeição.
O atendimento é cinco estrelas.

6 comentários:

Lys disse...

Minha avó disse que até o hospital Ana Costa, que costumava ser o melhor aí da baixada, está dando problemas. Filas imensas e esperas de dois meses para o exame.

Mas Aninha, esse é um problema de estado e não apenas de prefeitura. Bora cobrar do Serra uma solução para a saúde pública do Estado de São Paulo, afinal, ele é o nosso governador.

Adelino disse...

Ana, preciso lhe explicar: eu incluí você num questionário que a Eugênia me passou (o que chamam de meme, e que está lá no Nostalgia de hoje, domingo). Fiz isso antes de saber que estava atribulada com problemas de exames de saúde. Pensei em retirar o seu nome, mas resolvi que não. Caso não queira, não goste ou não possa participar, fique á vontade. Mesmo.
Beijo. Ótimo domingo para vocês.

Adelino disse...

Ana, aproveito para comentar sobre o caso dos óculos. Eu era cliente de um que não admitia que aviássemos a receita que não na ótica por ele indicada, incluindo a vendedora. Perguntei por que e ele me disse que só confiava neles. E, pronta a encomenda, ele exigia que voltássemos ao consultório, local em que parecia dar mais atenção ao local da compra do que a precisão do trabalho executado. É o que se chama: "ética"...
Um beijo. Feliz semana.

Cadinho RoCo disse...

Mas este é o Brasil que quase 90% da população diz estar maravilhoso, em pesquisa de popularidade do Presidente Lula.
Cadinho RoCo

Dora disse...

Nem preciso dizer o quanto fiquei revoltada com seu relato!! Esse descaso com a Saúde me deixa arrasada! E só há a solução de conformar-se, em alguns casos...?Que culpa têm os habitantes da sua cidade, pelo fato do candidato não ser eleito?
Esse é o Brasil, eu sei...
Mas, tem que haver uma saída, Aninha...
Continue delatando.
E todos deviam fazer o mesmo.
Desejo que tudo corra bem para vocês.
Mas, fiquei preocupada...
Abraço e beijo, a você e aos seus.
Dora

Nana disse...

Cada coisa q revolta ne?! Bjs e fique com Deus.